LutoPlano Preventivo

As dificuldades da Pandemia: o luto sem preocupação com as burocracias da morte

A perda já é um sentimento muito difícil em tempos normais, em tempos de pandemia, onde as perdas são frequentes, o sentimento está mais aflorado e as despedidas limitadas a dificuldade na contratação dos serviços funerários se complica quando não se tem ao lado uma empresa de confiança. Neste momento a prevenção se faz mais que necessária!

Para os familiares que tem Plano de Assistência Funerária o processo fica menos complicado: o familiar aciona a empresa contratada e todos os procedimentos já estão inclusos e a documentação resolvida. Não há a necessidade de toda a família comparecer para realização dos serviços, escolhas urnas ou documentações. As funerárias de confiança já estão acostumadas com os procedimentos e burocracias e assim evitam as dificuldades aos familiares poupando o momento de luto. Nos tempos atuais os velórios estão restritos, os atendimentos com muito mais cuidados e, infelizmente, até mesmo a não permissão das despedidas.

O Grupo Anjos Assistência tem mais de 60 anos de tradição no mercado funerário e estamos tocados com essa pandemia, com a falta de tratamento pessoal e cuidados com a família pelas empresas funerárias. Infelizmente os familiares enlutados não podem mais fazer a despedida em um velório padrão, cumprindo os rituais, mas visando esse momento difícil gostaríamos de apresentar nosso velório online, onde unimos os familiares virtualmente para que eles possam fazer orações, e se cumprimentarem, mesmo de longe, pois o momento não permite a reunião física, mas o coração se acalma com esse encontro virtual.

Organizamos uma sala virtual, colocamos as imagens e músicas escolhidas pela família eles se despedem. Também estamos tocados com toda esta crise de saúde que o mundo está vivendo e nos colocando no lugar do próximo nossa equipe tem a missão de oferecer serviços de Assistência funeral com toda a ética e respeito, o conforto do cliente Anjos Assistência está em primeiro lugar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *